Como fazer um contrato de locação seguro? Posso redigi-lo sozinho?

Além de ser muito importante, o contrato de locação deve ser extremamente perfeito para que não haja nenhum problema depois. Você mesmo pode redigir, acredito que seguindo estas dicas essenciais você vai se sair bem!

Existem determinadas informações que são imprescindíveis em um contrato de aluguel para que o documento seja válido, caso haja necessidade de uma intervenção judicial. 

Dados pessoais 

É essencial que seja informado todos os dados do locador e o locatário. Deve constar nome completo, bem como RG, CPF, endereço (se houver) e telefones para contato. 

Valor do aluguel 

Informação mais que relevante num contrato de locação: o valor do aluguel. Você deve colocar o valor proposto e seus reajustes, com a data de pagamento de cada um deles. Em caso de reajuste, é importante adicionar uma cláusula específica que mencione a correção a cada 12 meses, de acordo com o período de validade do documento. 

Garantia 

Este campo é preenchido com as formas de garantia do pagamento do aluguel, que podem ser feitos em 3 opções: Fiador (uma terceira pessoa que ficará responsável por possíveis inadimplências do locador), Seguro Fiança (uma alternativa caso não haja fiador, opção menos usual) e Garantia de Locação (chamado de caução, como se fosse um adiantamento de aluguel de 3 meses, podendo ser mais ou  menos). 

Despesas

Deve conter todas as descrições de despesas básicas e quem será responsável por elas. Exemplos: conta de energia, IPTU, seguro incêndio, água, serviços de telefonia e etc). Neste campo, quanto mais, melhor! Detalhe tudo. 

Descrição do imóvel

Aqui entram as características do imóvel, a metragem, número de cômodos, se é mobiliado (descrever cada um), estado de conservação, entre outros. Aqui também entra o tipo do aluguel, se é residencial, comercial, ou ambos. 

Vistoria

Nesta etapa, cabe a vistoria feita por um profissional. Pois ele irá verificar todos os itens do imóvel, que deve conter sua assinatura e as fotos anexadas ao relatório. Caso o imóvel não seja entregue com as mesmas condições de uso, a responsabilidade é do locatário de realizar os reparos. 

Período de vigência do contrato 

Neste campo fica a seu critério, podendo optar por um período mais longo ou mais curto. O ideal é que seja no mínimo 1 ano, com a possibilidade de renovação. Vai que seus planos em relação ao imóvel mudam, não é mesmo? 

Descrição de multa rescisória 

Em caso de quebra de contrato, deve haver uma cláusula especificando o valor que deverá ser pago caso o contrato seja rescindido. É importante mencionar também o prazo que deverá ser pago. Isto deve ser decidido em comum acordo pelas partes. 

Assinaturas

Partimos para a finalização, que é bem fácil! Basta as duas partes assinarem o documento para que seja válido, é legal fazer com que os dois assinem todas as páginas onde constam cláusulas para que não haja nenhuma alteração indevida. Feito isso, leve o contrato em um cartório e reconheça firma. 

 Ficou com alguma dúvida de como elaborar um contrato de locação? Deixe seu comentário, será um prazer orientá-lo! Entre em contato no WhatsApp através do link http://bit.ly/2QNAOg4

(Visited 68 times, 1 visits today)

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *